Pew financia importante pesquisa biomédica para 10 cientistas latino-americanos

Pew financia importante pesquisa biomédica para 10 cientistas latino-americanos

FILADÉLFIA – A Pew Charitable Trusts anunciou hoje os membros da turma de 2021 do Programa de Bolsas Pew em Ciências Biomédicas para a América Latina.

Os 10 bolsistas de pós-doutorado são oriundos de seis países da América Latina: Argentina, Brasil, Chile, México, Peru e Uruguai. Eles receberão apoio financeiro durante dois anos para conduzir suas pesquisas em laboratórios dos EUA e trabalharão sob a orientação de pesquisadores eminentes em Ciências Biomédicas, inclusive ex-alunos do Programa Pew Scholars para Ciências Biomédicas.

“O campo de pesquisa biomédica enfrenta constantemente desafios que exigem diferentes perspectivas de todo o mundo”, afirmou Susan K. Urahn, presidente e CEO da Pew. “É um orgulho para a Pew receber em nossa rede de pesquisadores esses bolsistas latino-americanos, que explorarão novas soluções e trarão avanços ao conhecimento científico.”

Os bolsistas que optarem por retornar à América Latina para criar seus próprios laboratórios de pesquisa receberão fundos adicionais da Pew. Cerca de 70% dos participantes seguiram esse caminho, contribuindo com o desenvolvimento de uma comunidade de pesquisas biomédicas mais robusta na América Latina.

Os interesses de pesquisa na turma de 2021 incluem a forma como interações moleculares silenciam o cromossomo X, como bactérias intestinais saudáveis podem promover a imunidade intestinal e como os circuitos moleculares e neurais guiam os ritmos sazonais dos animais.

“Os bolsistas da turma de 2021 ingressam na rede Pew em um momento crítico, quando os laboratórios enfrentam novas barreiras em resposta à pandemia da COVID-19”, afirmou Eva Nogales, Ph.D., professora no departamento de bioquímica, biofísica e biologia estrutural na University of California, Berkeley, e presidente do comitê consultivo nacional do programa. “Munidos de diferentes insights de cada um dos respectivos países, esses bolsistas promissores ajudarão a responder a desafios globais complexos e criar uma base sólida para a pesquisa biomédica em toda a América Latina.”

Estes são os bolsistas latino-americanos da Pew para 2021, com seus respectivos mentores nos Estados Unidos: 

Luis Boero, Ph.D.
Laboratório de Venkatesh N. Murthy, Ph.D., bolsista de biomedicina da Pew em 2000 Harvard University
O Dr. Boero explorará os mecanismos neurais que permitem a camundongos tomar decisões com base no olfato.

Daiane Boff, Ph.D.
Laboratório de Victor J. Torres, Ph.D.
New York University Grossman School of Medicine
A Dra. Boff explorará a forma como toxinas produzidas pelas bactérias Staphylococcus aureus danificam tecidos e desencadeiam sepse, uma condição potencialmente letal.

Emerson Carmona Rojas, Ph.D.
Laboratório de Luis G. Cuello, Ph.D.
Texas Tech University Health Sciences Center
O Dr. Carmona Rojas investigará a estrutura e a operação de uma proteína de canal que é hiperativa em algumas formas de leucemia.

Andrea Cuentas-Condori, Ph.D.
Laboratório de Daniel Alfonso Colón-Ramos, Ph.D.
Yale University
A Dra. Cuentas-Condori examinará a forma como alguns neurônios se comunicam utilizando dois sinais químicos diferentes em vez de um.

Mariana Duhne Aguayo, Ph.D.
Laboratório de Joshua Berke, Ph.D.
University of California, San Francisco
A Dra. Duhne Aguayo mapeará os circuitos neurais que calibram a rapidez de movimentação dos animais.

Guillermo Eastman, Ph.D.
Laboratório de George S. Bloom, Ph.D.
University of Virginia
O Dr. Eastman investigará a forma como as duas principais espécies moleculares tóxicas que são atributos característicos do mal de Alzheimer danificam os neurônios ao alterar seletivamente a síntese das proteínas.

José L. Fachi, Ph.D.
Laboratório de Marco Colonna, M.D.
Washington University School of Medicine, St. Louis
O Dr. Fachi explorará a forma como os metabólitos produzidos por bactérias intestinais saudáveis promovem a imunidade intestinal.

Sergio Hidalgo Sotelo, Ph.D.
Laboratório de Joanna Chiu, Ph.D.
University of California, Davis
O Dr. Hidalgo Sotelo explorará os circuitos moleculares e neurais que guiam os ritmos sazonais dos animais.

Carlos Rivera Álvarez, Ph.D.
Laboratório de Jeannie T. Lee, M.D., Ph.D., bolsista de biomedicina da Pew em 1999, pesquisadora do Innovation Fund em 2019
Massachusetts General Hospital
O Dr. Rivera Álvarez investigará as interações moleculares que controlam o silenciamento do cromossomo X.

Maria Clara Selles, Ph.D.
Laboratório de Moses V. Chao, Ph.D.
New York University Langone Health
A Dra. Selles explorará se a oxitocina hormonal pode proteger os neurônios contra a degeneração que acompanha o mal de Alzheimer.

The front facade of the Supreme Court of the United States in Washington, DC.
ian-hutchinson-U8WfiRpsQ7Y-unsplash.jpg_master

Agenda for America

Resources for federal, state, and local decision-makers

Quick View

Data-driven policymaking is not just a tool for finding new solutions for emerging challenges, it makes government more effective and better able to serve the public interest.